terça-feira, 10 de novembro de 2009

AFF 2009: Terceiro dia!!!

Bom, pela foto acima já deu pra ver que a terceira noite do Amazonas Film Festival também foi muito animada. Além de mim, do Alexandre (camisa do flamengo) e da minha digníssima, ainda estão presentes alguns dos nossos amigos cinemeiros que cruzaram com a gente por lá e conosco ficaram prestigiando o evento. Mais vamos começar do inicio.
Chegamos por voltas das 17:40 ao Palácio da Justiça para prestigiar a Convivência, ou seja, um espécie de entrevista que no dia anterior tinha sido com ator Milton Gonçalves e que dessa vez seria com a atriz Nathália Timberg. E realmente aconteceu só que dessa vez não conseguimos lhe entregar nenhuma camisa, pegar autografo e nem mesmo tirar uma foto com ela, pois o seu assessor não permitiu alegando que ela estava muito atrasada e que no final ela ia atender a todos. Que nada, no fim foi é pior pois ela também tinha outro compromisso no Teatro Amazonas e teve que sair voando do recinto, passando por nós numa rapidez medonha, sempre escoltada pelo seu fiel assessor. Vale ressaltar que durante o bate-papo na convivência com a atriz, ela destacou muito mais o seu trabalho no teatro que no cinema e o papo não estava me agradando muito, pois estava indo para uma área que pouco conheço e por isso não me atraí e a conversa passou a ficar mais interessante quando ela respondeu a uma pergunta do cinemeiro Alexandre que perguntou algo relacionado a vídeos na internet que são feito por pessoas que vão ao teatro e gravam “escondido” e o que ela achava disso? a resposta dela foi direta: ela abomina completamente pois são mídias e coisas completamente diferentes, além de estragar a surpresa para quem quer ver o espetáculo. Durante esse bate-papo ora respondendo perguntas do público, ora do mediador Sérgio Cardoso, Nathália falou de sua carreira na TV, Teatro, Cinema e as dificuldades que ela enfrentou na sua carreira de atriz, principalmente no teatro o que a fez ficar até emocionada e ir às lágrimas em alguns momentos. No final, ela foi aplaudida de pé por todos os participantes e depois passou chutada por nós... junto com seu "atencioso"assessor.
Depois disso fomos ao largo São Sebastião onde estava começando a cerimônia do tapete vermelho e foi lá que encontramos com os outros cinemeiros da foto. Ficamos por ali conversando um pouco até que liberaram a entrada do teatro e nós conseguimos entrar e nos estabelecer no belíssimo TA, só que nós ficamos no segundo andar e as celebridades no térreo, e lá de cima ficaria meio difícil de estabelecer um contato decente. Quando eles começaram a entrar no teatro Alexandre e eu tomamos a decisão de encarar os seguranças e descer pra tentar conseguir algo com as celebridades, lembro que descemos com tanta pressa que ao passar pelo corredor o Alexandre deu, literalmente, de cara com o ator Guilherme Leme e nem o reconheceu, eu como vinha um pouco mais atrás fui quem avisou meu parceiro mais aí já era tarde pois o cara já tinha sumido. Quando chegamos ao salão principal do teatro encontramos logo a chefa dos seguranças que foi logo orientando um lugar pra nós, diga-se de passagem, o mais longe das celebridades. Ainda tentamos por duas vezes nos levantar e ir ao encontro dos nossos “alvos” mais foi em vão pois fomos barrados por essa bentida senhora que nos falou com uma autoridade digna de um militar: “Sentem aí ou vou colocar outros no lugar de vocês” seus merdas! (essa ultimas palavras ela não falou mais tenho certeza que pensou). Depois de tanta educação só nos restou obedecer e esperar a oportunidade aparecer, ou seja, no fim da solenidade que era a entrega do prêmio Amazonas Award ao navegador Amir Klink.Pra vocês terem uma idéia de quem estava presente bem próximo de nós e a gente imóvel sem poder fazer nada a não ser esperar: Malu Mader, Maria Fernanda Cândido, Tânia Alves, Rita Cadilac, Anderson Muller, Heriberto Leão, Murilo Rosa, Max Farcondini, Pedro Neschling, além dos já citados Nathália timberg, Guilherme Leme, Amir Klink e muitos outros. E logo depois da homenagem que foi feita ao Amir Klink, toda essa turma saiu rumo ao largo pra assistiram o filme da Malu Mader que iria passar no telão, nessa hora nos separamos – o Alexandre seguiu os famosos e eu fui chamar o resto da turma que estavam dois andares acima. E só quando cheguei que fui informado que todos eles tinham praticamente passados direto pelo nosso amigo cinemeiro com esquema de escolta redobrado, porém nem tudo tinha sido perdido, pois meu amigo Alexandre tinha conseguido tirar uma foto com uma artista que ele é fã desde pequeno que despensa apresentações como podem conferir na foto acima hehehe...
Depois disso, nós ainda fomos até o largo e podemos constatar que todos estavam realmente sentados e assistindo atenciosamente ao filme da Malu, também acho que só tinham eles porque os demais estavam mais interessados em tirar fotos ou tentar pegar autógrafos. Como a abarreira entre nós e o publico era muito grande, acabamos desistindo mais não sem antes eu arriscar uma foto mesmo de longe (essa do canto). Ficamos por ali mais algum tempo e depois decidimos ir embora já que estávamos todos famintos. Bem, mesmo sem conseguir se aproximar de nenhum artista e presenteá-los com nossa camisa do blog e nem nada, acho que a aventura foi ótima. Só o fato de você estar em um ambiente que se respira, fala, vive e faz cinema é muito bom e com certeza é o sonho de qualquer cinéfilo ou cinemeiro, sem falar que também serviu de experiência para os festivais futuros. Vários eventos estavam ocorrendo simultaneamente em locais diferentes porem relativamente próximos e ficava ao gosto do freguês escolher o que mais lhe agradasse. E nós acabamos nossa noitada em uma rodada de pizza comentando nossos melhores momentos hehehe...
Isso tudo aconteceu ontem, hoje eu nem dei as caras por lá, pois estava...no cinema (só pra variar um pouco hehe) assistindo a um filme que futuramente estará sendo comentado aqui no blog. Mais quarta estarei lá e com certeza trarei mais novidades pra quem quiser ler. Um abraço e até a próxima. Câmbio e desligo :)

4 comentários:

  1. É como se eu estivesse no Jardim da Infância com a Tia Rita....eu tava cheio, cheio, cheio de graça rsrsrsr....
    Só faltou trocar-mos numeros de telefone!!!

    ResponderExcluir
  2. Poxa, que descrição mais detalhada da aventura, hein. Mas eu daria destaque para o Alexandre posando todo "serelepe" com sua musa de infância, será que ele disse que assistiu a TODOS os filmes dela? hmmmm, eu quero esta resposta como leitora fiel do blog, rsrs..
    DSM

    ResponderExcluir
  3. Tenho pavor dessa mulher hahahahahaha

    ResponderExcluir

Olá gente fina! Deixe o seu comentário!
Mas, primeiro, LEIA A POSTAGEM!.
Fique à vontade!!! Se você leu, comente. Não custa nada.