sexta-feira, 11 de julho de 2014

Transformers: A Era da Extinção


Meus amigos Cinemeiros, como fã da série Transformers desde os anos 80 e por esse motivo não podeis perder a estreia do quarto filme desta franquia. Fui um pouco curioso de saber qual o argumento utilizado para a substituição de todo elenco humano? Qual seria a passagem de tempo dos acontecimentos do filme anterior para este? Quais seriam os vilões? Em resumo, se o filme iria funcionar como os outros funcionaram.


Bom, o diretor Michael Bay (Transformers 1, 2, 3 e 4) resolveu não explicar o sumiço dos antigos personagens, apenas explica que os Autobots estão sendo perseguidos por humanos e uma nova casta de robôs caçadores de recompensas que estão exterminando nossos heróis, e que, após uma emboscada, Optimus Prime, muito avariado, se esconde em um velho cinema na forma de um caminhão antigo por alguns anos e é comprado como sucata pelo “inventor” texano Cade Yeger interpretado pelo ator Mark Wahlberg (O Grande Heroi, Ted), completa o grupo a filha de Yeger e seu namorada, esse grupo nos rede ótimas gargalhadas durante todo o filme.


Junto a tudo isso encontramos Autobots caçados, exterminados e derretidos para terem seu precioso metal utilizado por uma empresa na confecção de novas máquinas utilizando  a tecnologia Transformer. 
É interessante verificar a mudança e revolta dos Autobots com a nossa condição que tem na terra, o próprio Optimus deixa de lado o discurso de salvar a humanidade e mostra seu lado de guerreiro com sedento de vingança, o que na minha opinião apimentou mais a película.


No mais meus amigos, tem pancadaria para deixar o Godzilla encabulado, muita ação, humor e aventura do início ao fim, novos vilões são apresentados a franquia e antigos vilões ressurgem repaginados e se você, como eu, é fã dos robôs desde os anos 80, vou lhe dar um único argumento para correr aos cinemas, DINOBOTS. O filme é diversão garantida, está repaginado e as mudanças, ao meu ver, foram pra melhor. Bom filme a todos, pois são 2 horas e 46 minutos de Ação.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá gente fina! Deixe o seu comentário!
Mas, primeiro, LEIA A POSTAGEM!.
Fique à vontade!!! Se você leu, comente. Não custa nada.